Tirai a pedra!

Na Palavra de Deus, as pedras podem assumir diferentes significados. A incredulidade, o espírito de religiosidade, a indiferença com as coisas divinas, o pecado, a dureza de coração, dentre outros. No Evangelho do Ap João 11:39-41, encontramos uma pedra literal, uma pedra que impedia a manifestação da Glória de Deus.

As pedras sempre serão um obstáculo para a glória de Deus se manifestar. O meio pelo qual mantemos comunhão com Deus, é através do Espírito Santo, e, muitas vezes, deixamos que a intimidade com Deus seja prejudicada pelas obstruções do canal do relacionamento com Ele, devido às pedrinhas que carregamos ou as depositamos em nossa caminhada. Para que Lázaro fosse ressuscitado, e a multidão pudesse contemplar a Glória de Deus, eles mesmos deveriam remover a pedra na entrada do sepulcro. O Deus que tem poder de ressuscitar mortos, teria o poder, também, de remover uma pedra, mas tem coisas que só pertencem a nós fazê-las. E, assim, foi no caso da ressurreição de Lázaro. A multidão que queria ver o milagre, foi incumbida de retirar a pedra do impedimento, a pedra que bloqueava o agir de Deus.

Hoje, Deus continua disposto a fazer milagres na vida de todos os que creem, mas há muitas pedras que têm que ser removidas antes dos corações, pedras essas, que Deus não vai tirar nem ajudar a tirá-las, se não houver uma atitude individual e desprendida para removê-las. É tempo de reflexão, é tempo de se fazer um diagnóstico da vida espiritual e identificar cada pedrinha que tem se colocado no caminho de cada um e impossibilitado o fluir de Deus. A Palavra de Deus é um instrumento de limpeza, é como água que limpa, é como um espelho que retrata a autoimagem e, com o seu poder, pode arrastar cada pedrinha ou sujeira que tenta obstruir o canal da comunicação e intimidade com Deus. A obediência à Palavra de Deus deve encontrar lugar na vida daqueles que desejam ter uma vida espiritual vitoriosa e contemplar as maravilhas da Glória de Deus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *