O que Deus quer de mim?

Cremos que Deus criou todas as coisas: O Universo e tudo o que nele há, a Terra e, para habitá-la, formou o homem. Mas muitos não sabem o porquê de estar aqui, neste belo planeta, a razão de ter sido criado nem para onde vai.

A Sabedoria de Deus não o deixaria criar alguma coisa desprovida de propósito. Ele criou o homem com um fim específico. A Bíblia diz que fomos criados para o Louvor da sua Glória! Sim, Ele é um Ser glorioso e deseja que o homem reconheça isso e traga diante dEle o Louvor que lhe é devido. Mas, para que isso aconteça, o homem precisa conhecê-Lo, reconhecer nEle o que Ele realmente é. Conhecer, sobretudo, o seu caráter e atributos. Para conhecermos alguém, precisamos andar com essa pessoa e estar perto.

Deus, antes de desejar que os homens o louvem e o adorem, Ele quer desenvolver com cada um um RELACIONAMENTO, que gere atitudes de intimidade e comunhão. Quando aprendemos a ter com Ele um relacionamento de Pai e Filho e mesmo de noivo e noiva, através de Jesus, a nós, nos é revelada a essência do seu amor e caráter, descobrimos o seu agir e podemos confiar nEle, até nas situações mais adversas. Esse relacionamento não pode ser esporádico, mas contínuo, até mesmo, porque Ele prometeu que viria e faria morada em nós, se nós o amássemos. Lembrando que não há relacionamento verdadeiro sem amor e, obviamente, não há comunhão com o Pai  sem um coração inclinado a agradar-lhe em  uma atitude de obediência.

Então, Deus é um Ser pessoal, com o qual podemos desfrutar de uma relação eterna de amizade e comunhão. Ele se agrada disso!
Qual deus tem com a sua criação (se algum deus  pode criar alguma coisa) um relacionamento pessoal? Que as nações digam daqueles que, através do Espírito Santo, andam com Deus: “Só este grande povo é gente sábia e inteligente. Porque, que gente há tão grande que tenha deuses tão chegados como o Senhor, nosso Deus, todas as vezes que o chamamos”?

“Conheçamos e prossigamos em conhecer o Senhor…” Na sua presença há uma porção ilimitada de alegria!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *